Você conhece os tipos de TV que existem no mercado? Há diversas tecnologias diferentes, o que também acaba gerando uma grande variação entre os preços (além do tamanho, é claro).

Para esclarecer essas e outras dúvidas, resolvemos elaborar este guia. Nele, vamos apresentar os modelos, as resoluções de tela, os sistemas operacionais e ajudar você a entender qual delas é a melhor opção para a sua casa. Confira!

Família de costas de 4 pessoas sentadas no sofá da sala assistindo V. Família de costas de 4 pessoas sentadas no sofá da sala assistindo V.

Quais os diferentes tipos de TV?

A seguir, você verá quais são os diferentes tipos de TV, desde tecnologias mais antigas até as mais atuais.

Plasma

É uma das primeiras tecnologias da TV de tela plana. Sem querer entregar a idade, quem é dessa época vai lembrar do sucesso que fez e como tinha diferença para as TVs de tubo.

Apesar de terem se tornado obsoletas, as TVs de plasma fizeram uma revolução, trazendo telas bem mais finas e planas, apesar de serem feitas de vidro — o que as deixava pesadas como as de tubo. 

Elas utilizavam plasma e lâmpadas fluorescentes para fornecer as imagens. Se você quer usar em uma sala ou um quarto, por exemplo, ela é uma ótima pedida. 

No entanto, se o objetivo é colocá-la em ambientes muito bem iluminados, não terá um bom aproveitamento, já que a tela é muito sensível à luz.

LCD

É uma sigla em inglês para Display de Cristal Líquido. Nesse caso, para criar as imagens, ela utiliza lâmpadas fluorescentes e cristais líquidos. 

A desvantagem é que tanto o brilho quanto o contraste não são tão bons quanto as tecnologias que sucederam as TVs de LCD. Por esse motivo, são ideais para ambientes com boa iluminação.

Televisão de LED com tela azul e borda preta com controle remoto. Televisão de LED com tela azul e borda preta com controle remoto.

LED

As TVs de LED (Diodo Emissor de Luz) funcionam de forma bem semelhante às de LCD. A diferença é que, em vez de utilizar lâmpadas fluorescentes, a iluminação é feita através de LEDs. A vantagem é que, além de consumir menos energia, esses aparelhos também são mais leves.

Além disso, a iluminação é disponibilizada em pontos diferentes. Assim, o brilho, a definição e o contraste são bem superiores às de LCD. Isso contribui para que o ângulo de visão também seja melhor. 

OLED

É uma evolução das TVs de LED, que utilizam diodos orgânicos em sua composição. A iluminação traseira não é geral para todos os pixels, além de gerar luz própria (sem a luz traseira que as de LCD e LED possuem).

O resultado disso vem com melhor contraste (que deixam os pretos mais pretos), brilho e cores ainda mais vivas. Além disso, as TVs OLED são mais leves, finas e oferecem maior eficiência energética que suas predecessoras.

QLED

Esse foi um dos primeiros modelos que apareceu no mercado. Para que os recursos funcionassem via internet, era necessário passar um cabo de rede LAN até a televisão e fazer as configurações de rede necessárias para o funcionamento — seja na TV ou no modem.

Homem sorridente e feliz escolhendo sua televisão na loja. Homem sorridente e feliz escolhendo sua televisão na loja.

Quais os tipos de resoluções de TV?

A resolução está ligada à quantidade de pixels que a TV é capaz de exibir, considerando linhas e colunas da tela (que cobrem a largura e a altura). 

Dessa forma, quanto mais pixels uma imagem tiver, melhor será a sua resolução. Veja quais são os tipos de resoluções de TV a seguir:

  • HD: 1280 x 720 pixels;

  • Full HD: 1920 x 1080 pixels;

  • 4K: 3840 x 2160 pixels (também é chamada de UHD);

  • 5K: 5120 x 2880 pixels;

  • 8K: 7680 x 4320 pixels (também chamada de FUHD).

Mulher sentada no sofá comendo pipoca escolhendo um filme para assistir na televisão da sala. Mulher sentada no sofá comendo pipoca escolhendo um filme para assistir na televisão da sala.

Quais os tipos de sistemas operacionais para TV e as principais difere

A TV Smart é um “aparelho inteligente”, isso porque ela está conectada à internet, o que abre a possibilidade para diversas funcionalidades que não existiam em modelos anteriores.

Uma delas é a existência de um sistema operacional, como nos smartphones, que permite a instalação dos mais variados aplicativos — de streaming, vídeo, redes sociais, entre outros.

A seguir, falaremos um pouco mais sobre os principais sistemas operacionais para TV disponíveis no mercado:

WebOs

É o sistema operacional das TVs da LG. Ele é de fácil navegação e apresenta a lista de aplicações disponíveis em uma barra inferior que só aparece quando é acionada pelo controle e não atrapalha o que está sendo assistido na tela.

Tizen

Tizen é o sistema operacional da Samsung, produzido pela própria marca. Ele tem um acervo bem completo de aplicativos próprios e de terceiros. 

Uma das grandes vantagens é a alta integração com outros aparelhos Samsung, possibilitando que a TV seja usada como uma espécie de central de controle de todos os dispositivos smart.

Android

O sistema operacional Android já é bastante conhecido de quem tem smartphones e, agora, ele também está disponível para TVs.

Por ter total integração com o Google, os aparelhos contam com o Google Assistente, que permite controlar tanto a televisão quanto outros dispositivos por meio de comando de voz.

A tela mostra os aplicativos, conteúdos e dispositivos instalados em blocos. A biblioteca de apps também é bem vasta, contando até com jogos.

Roku OS

O Roku OS é um sistema operacional mais simples do que os demais. Assim como o Android, ele apresenta os apps e conteúdos em blocos, o que torna a navegação mais fácil e intuitiva.

Leia mais:

Homem sorridente segundo uma televisão de plasma. Homem sorridente segundo uma televisão de plasma.

Qual é a melhor tecnologia de TV?

A melhor tecnologia de TV é, sem dúvidas, aquela que oferece o melhor custo-benefício para o que você procura. 

Afinal, se você é do tipo que só assiste canais abertos, por exemplo, e não pode investir um valor mais alto, não faz sentido ter uma TV 8k, não é mesmo?

Se estamos falando de gerações, certamente a QLED está entre as melhores para se ter no momento, já que elas têm uma imagem mais nítida, limpa e com cores mais vivas que as demais.

Mulher sorridente em casa segurando sua Tv que acabou de ter sido comprada. Mulher sorridente em casa segurando sua Tv que acabou de ter sido comprada.

Como escolher o melhor tipo de TV?

Primeiramente, você precisa entender quais são as suas necessidades e como está o seu orçamento. Então, o primeiro passo é definir o quanto pode pagar pela TV.

Em seguida, é necessário entender no que o aparelho será mais usado e qual é o nível de importância que isso tem para a escolha.

Uma pessoa que gosta de passar os finais de semana mais em casa, assistindo a filmes e séries, por exemplo, pode querer uma TV com uma resolução melhor.

Assim que tiver essas informações em mente, é hora de pesquisar. Veja quais tipos de televisão se encaixam no perfil que procura e compare as principais características delas.

Se você é do tipo que gosta de ter mais detalhes antes de fazer a compra, sugerimos assistir a alguns vídeos de review e comparativos. A opinião de pessoas que entendem do assunto pode contribuir para uma escolha mais acertada.

Qual a melhor internet para a sua TV?

O Vivo Fibra é a melhor solução de internet para sua casa e, especialmente, para TVs que usam novas tecnologias e têm resoluções de tela maiores. 

Isso porque a tecnologia de fibra ótica entrega velocidades bem mais altas que aquelas que são instaladas via cabo com par metálico. 

Dessa forma, você tem a vantagem de assistir aos conteúdos sem a preocupação de travar. Imagine só perder o gol do seu time de coração ou a série travar na cena mais importante do episódio?

Gostou de saber mais sobre os tipos de TV existentes? Certamente, teremos muita tecnologia nova por vir. Enquanto isso não acontece, aproveite para escolher a que melhor atende suas necessidades, se divirta assistindo a seus programas favoritos e, para que nada te atrapalhe, não esqueça de ter uma internet de qualidade. 

Até a próxima!