Você faz questão de ter um dos melhores celulares, então escolhe um iPhone. Além de todo o design diferenciado, os dispositivos mais recentes da Apple vêm com muita tecnologia, como o desbloqueio por reconhecimento facial. Mas o que fazer quando o Face ID não funciona?

Antes de se aborrecer pela dificuldade de desbloquear o celular, saiba que, na maioria das vezes, é simples resolver o problema para voltar a utilizar seu dispositivo com toda a facilidade da leitura biométrica facial.

Quer saber por que o Face ID não funciona? Vem com a gente, descubra o que pode estar acontecendo e o que fazer para solucionar o transtorno!

Mulher segurando tablet com ilustração do Face ID reconhecendo seu rosto. Mulher segurando tablet com ilustração do Face ID reconhecendo seu rosto.

O que é Face ID?

Passamos muito tempo utilizando o smartphone e, além do entretenimento, guardamos informações pessoais, profissionais e arquivos importantes, como fotos e vídeos. 

Logo, é preciso ter um sistema de segurança para que ninguém acesse esses dados, caso você perca ou tenha o dispositivo roubado.

Pensando nisso, a Apple desenvolveu um sistema avançado de autenticação, o Face ID, que desbloqueia o iPhone e iPad Pro por meio da leitura biométrica de reconhecimento facial. 

Dessa forma, basta a pessoa posicionar o celular na frente do rosto, como se fosse fazer uma selfie, para que o aparelho seja desbloqueado.

Como funciona o Face ID?

É uma tecnologia que realiza uma autenticação intuitiva, utilizando a câmera TrueDepht, que faz o mapeamento preciso da geometria do rosto do usuário. Ela faz a captura de uma imagem infravermelha do rosto e coleta dados da face, projetando um mapa em profundidade com milhares de pontos. 

A tecnologia transforma esses dados em uma representação matemática, assim, sempre que o usuário posiciona o celular em frente ao rosto, o sistema compara com as informações que estão registradas.

O mais legal é que o Face ID reconhece a pessoa mesmo se ela estiver com maquiagem ou com outras variações no visual, como barba, chapéu e óculos. O reconhecimento também  é feito em ambiente externo e interno.

Além da praticidade de utilizar o Face ID para desbloquear o smartphone, a tecnologia também serve para autorizar compras na App Store e iTunes Store. 

Com ela, o usuário pode ainda realizar pagamentos utilizando o Apple Pay. Alguns aplicativos também utilizam o reconhecimento facial da Apple.

Homem segurando celular com ilustração do Face ID reconhecendo seu rosto Homem segurando celular com ilustração do Face ID reconhecendo seu rosto

Como ativar o Face ID?

Se você tem um modelo do iPhone ou iPad com o Face ID, precisa ativar o recurso. O passo a passo é muito simples. Acompanhe:

  • Entre em “Ajustes”;

  • Clique em “Face ID e Código”;

  • Vá em “Configurar Face ID”;

  • Caso seja solicitado, insira seu código de acesso;

  • Clique em “Começar”;

  • Posicione o celular na frente do rosto e siga as instruções;

  • O sistema faz dois escaneamentos da face do usuário.

Caso o dispositivo seja utilizado por duas pessoas diferentes, é possível configurar um Face ID alternativo. 

Logo, esses dois usuários conseguem desbloquear o dispositivo por meio da leitura biométrica de reconhecimento facial.

Por que meu Face ID não funciona?

Dificilmente isso ocorre devido a um problema do iPhone ou iPad, já que o Face ID pode não funcionar direito devido a outros fatores. Confira:

1. Obstrução da câmera

Quando você vai fazer uma foto, é preciso que não haja qualquer obstáculo na câmera do celular, certo? Isso também é válido para o Face ID, dessa forma, o primeiro passo é verificar se há alguma sujeira, trinca na tela ou outra obstrução no sistema de câmeras TrueDepht, que ficam na parte superior da tela. 

Veja também se a capinha do celular não está atrapalhando o visor, pois isso impede o aparelho de fazer o reconhecimento facial.

2. Opções de usos do Face ID

Ao configurar seu Face ID, você coloca em quais situações pretende utilizar o reconhecimento facial, como:

  • Desbloqueio do aparelho;

  • iTunes e Apple Store;

  • Carteira e App Pay;

  • Preencher senha;

  • Outros apps.

Então, verifique se a falha não está ocorrendo justamente por que você deixou de marcar a opção desejada para o uso da leitura biométrica facial.

Mulher mexendo no celular com máscara no rosto e destravando seu face ID no celular. Mulher mexendo no celular com máscara no rosto e destravando seu face ID no celular.

3. Uso de acessórios

Apesar da autenticação com o Face ID funcionar com alguns acessórios, pode ser que alguns itens atrapalhem a biometria. Como ainda temos que utilizar a máscara em muitos ambientes, esse acessório pode atrapalhar também.

Pensando nisso, a Apple desenvolveu o Face ID que reconhece o usuário com máscara para o sistema iOS 15.4, iPhone 12 e versões posteriores. 

4. Posicionamento incorreto do smartphone

Muitas vezes, o Face ID não funciona porque você não posicionou o aparelho de frente para o rosto da forma correta. 

O ideal é manter o equipamento na vertical, cerca de 25 cm a 50 cm de distância.

5. Mudança radical de visual

Caso você tenha passado por uma mudança radical na aparência, pode ter falhas ao usar o reconhecimento facial da Apple. Nesse caso, você pode redefinir ou cadastrar um Face ID alternativo.

6. Atualização do sistema

Cada vez que o sistema operacional iOS é atualizado, ele passa por reformulações que corrigem falhas e melhoram a performance do aparelho. 

Então, verifique se o seu dispositivo está atualizado:

  1. Vá em “Ajustes”;

  2. Depois em “Geral”;

  3. E, por último, “Atualização do Software”.

7. Outras situações

Por fim, saiba que o Face ID não vai funcionar em algumas situações, como:

  • Ao ligar o dispositivo, caso a bateria tenha acabado, por exemplo, ou ao reiniciar o aparelho;

  • Deixar de desbloquear o aparelho há mais de dois dias;

  • Depois que você começou o processo de desligar seu iPhone;

  • O código de acesso não foi utilizado há mais de seis dias e você não utilizou o Face ID nas últimas quatro horas.

Mulher com expressão irritada ao ver que seu face ID parou de funcionar. Mulher com expressão irritada ao ver que seu face ID parou de funcionar.

O que fazer se o Face ID parou de funcionar?

Caso você tenha testado todas as dicas anteriores e, mesmo assim, o Face ID não estiver funcionando, o recomendado é entrar em contato com o suporte da Apple

Com isso, você pode detectar por que a tecnologia está apresentando falhas ou ser encaminhado para a assistência técnica.

Nada funciona? Considere um novo celular

Se estiver cansado de ter problemas com a autenticação por biometria do celular ou acha que está na hora de comprar um novo, anote a lista de sugestões com os melhores aparelhos da Apple:

iPhone 13 Pro Max

 iPhone 13 Pro Max preto.  iPhone 13 Pro Max preto.

O iPhone 13 Pro Max vem com o chip A15 Bionic e 256 GB de memória interna. A tela é Super Retina XDR de 6,7 polegadas com ProMotion, sendo altamente resistente (Ceramic Shield). 

Falando em resistência, o celular tem proteção à água, respingos e poeira. Apresenta o sistema de câmera Pro de 12MP e faz vídeos em 4K.

iPhone 13 mini

iPhone 13 mini  rosa. iPhone 13 mini  rosa.

O iPhone 13 mini conta com o chip A15 Bionic, 512 GB de memória interna e tela Super Retina XDR de 5,4 polegadas, resistente a quedas. Faz vídeos com efeito cinema, criando efeitos incríveis de profundidade.

iPhone 12

iPhone 12 preto iPhone 12 preto

O iPhone 12 tem a tela Super Retina XDR brilhante de 6,1 polegadas, bastante resistente a quedas. 

O chip é o A14 Bionic e tem 64 GB de memória interna. Além disso, tem o sistema de câmera dupla avançado de 12 MP e permite gravar e editar vídeos 4K HDR em Dolby Vision.

iPhone 11

iPhone 11 roxo iPhone 11 roxo

No iPhone 11, a tela é a Liquid Retina de 6,1 polegadas, o sistema de câmera dupla é de 12 MP, e você pode fazer vídeos em 4K. 

O chip é o A13 Bionic e tem 256 GB de memória interna. O celular é resistente à água e à poeira.

Se o Face ID não funcionar, é preciso checar diversos aspectos no aparelho, especialmente alguma obstrução na câmera e nas configurações da autenticação. 

Você vai ver como pode ser simples resolver o problema e voltar a desbloquear seu celular com facilidade.

Agora, se acha que chegou a hora de ter um smartphone novo, confira as opções que temos na Loja da Vivo.

Até mais!

Leia também: