Praia, montanha ou grandes centros urbanos? Independentemente da rota, a diversão já começa na hora de escolher para onde viajar. Essa etapa de pesquisar os locais, atrações e melhores épocas para a viagem é muito importante e aumenta as chances de criar boas lembranças.

Contudo, para acertar na decisão, é essencial levar em conta não apenas características do próprio lugar, mas também as de quem vai viajar. 

Um passeio em família, por exemplo, pede destinos com atividades diurnas, enquanto para uma viagem em casal o roteiro noturno também é um atrativo. 

Além disso, há diferentes opções para quem quer se aventurar, descansar ou ainda ter uma experiência cultural e gastronômica.

Para ajudar nessa decisão, separamos algumas opções de viagens nacionais e internacionais bem avaliadas pelo público, que agradam diversos gostos. Sendo assim, nos acompanhe nesta leitura e comece a planejar seu próximo passeio!

Pai, mãe e dois filhos tiram as malas do carro para uma viagem em família de acampamento Pai, mãe e dois filhos tiram as malas do carro para uma viagem em família de acampamento

Para onde viajar em família?

Muitas vezes, esperamos o ano todo para poder aproveitar aquela viagem em família e curtir momentos de qualidade juntos. Nesse sentido, uma boa ideia para ter o entretenimento dos pequenos garantido é recorrer aos parques de diversão. 

Na América do Sul, um dos maiores e mais visitados parques é o Beto Carrero World, localizado em Penha, no estado de Santa Catarina. O lugar conta com atrações cheias de adrenalina, como as montanhas-russas, incluindo uma invertida, em que os pés ficam pendurados, e o rafting.

Há também shows temáticos e encontros com personagens da DreamWorks, como os animais da série de filmes Madagascar. Além disso, o Beto Carrero World ainda oferece passeios ao Mundo Animal.

Viagem com crianças para o exterior: conhecendo o Mickey

Quando a dúvida é para onde viajar com a família, é quase impossível não pensar no Walt Disney World. Com quatro parques temáticos localizados em Orlando (Flórida, Estados Unidos), o destino é um dos mais populares no mundo e atrai pessoas de todas as idades.

O Magic Kingdom Park é um dos mais famosos, por ter o castelo da Cinderela e desfiles com as principais personalidades da Disney, como o Mickey e sua turma ou as princesas. Aliás, ao andar no parque, é possível encontrar sessões de fotos com esses personagens que marcaram presença na vida de muitos. 

As atrações são variadas, com passeios de barco ou por mansões mal-assombradas. Há ainda um espetáculo noturno com músicas e fogos de artifício para encerrar o dia. 

Mas a magia não acaba por aí. O Walt Disney World ainda engloba Animal Kingdom, Hollywood Studios e Epcot. Em outras palavras, há facilmente uma semana de diversão no conjunto de parques.

Pai, mãe e dois filhos brincando na praia ao pôr do sol Pai, mãe e dois filhos brincando na praia ao pôr do sol

Viagem para praia

Ir à praia certamente está entre os primeiros pensamentos de muitas pessoas quando o assunto é para onde viajar. Seja para praticar esportes, como surfe e o famoso stand up paddle, ou apenas para descansar, o Brasil tem praias para todos os gostos.

Um dos destinos nacionais mais famosos para os amantes do sol e do mar é Fernando de Noronha. O arquipélago nordestino tem não apenas uma, mas um conjunto das mais belas praias do país.

Entre elas, a Baía do Sancho se destaca, sendo classificada como a terceira melhor do mundo pelo Travellers’ Choice 2021 do Trip Advisor. Com águas cristalinas e uma fina faixa de areias brancas, a praia fica no Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha e tem acesso controlado.

Outro paraíso brasileiro também situado no nordeste é Jericoacoara, uma vila com diversas praias para aproveitar. Entre elas, uma das mais famosas é a de mesmo nome da vila. Além disso, há diversos passeios pelas dunas e mangues que cercam a região, bem como visitas às lagoas de água doce.

Pai com um filho sentado nos ombros apreciam uma igreja antiga em Ouro Preto Pai com um filho sentado nos ombros apreciam uma igreja antiga em Ouro Preto

Viagem cultural

Com proporções continentais, o Brasil tem diversos destinos culturais e históricos que podem ser a resposta à sua dúvida de para onde viajar. O estado de Minas Gerais, por exemplo, tem cidades como Tiradentes e Ouro Preto.

A primeira é uma pequena cidade que chama atenção por seus conjuntos arquitetônicos. Eles englobam casarões do século XVIII, igrejas barrocas e ruas feitas de pedra que contam histórias por si só. 

Enquanto isso, Ouro Preto é mais agitada, famosa inclusive por seu carnaval de rua. Contudo, a cidade também é um Patrimônio Cultural da Humanidade, eleito pela Unesco, e atrai muitas pessoas interessadas em arte. Em especial, quem procura por obras de artistas, como Aleijadinho e Mestre Ataíde, tem muito a aproveitar.

Povoados milenares

Não é preciso sair da América do Sul para aproveitar uma viagem extremamente cultural. Um bom exemplo disso é Machu Picchu, a cidade Inca no Peru. 

O local é não apenas um Patrimônio Mundial da Unesco, mas também uma das sete maravilhas do mundo e recebe milhares de visitantes todos os anos.

Os passeios incluem trilhas e visitas às ruínas dos povoados milenares que, por sua vez, ficam no alto da Cordilheira dos Andes. Ou seja, belas vistas estão garantidas!

Voltando no tempo

Quem procura uma experiência ainda mais diferente pode experimentar voltar no tempo com um passeio a Óbidos, em Portugal. 

O local é uma vila medieval que fica dentro de muralhas e possui um castelo, cujas próprias ruas e casas enfeitadas encantam. 

Além disso, a pequena cidade é sede para diversos festivais gastronômicos, como o do Chocolate, e culturais, como a Temporada de Música Clássica Barroca e o Festival de Ópera.

Mulher dentro de uma canoa navegando em rio cercada por vegetação e palmeiras Mulher dentro de uma canoa navegando em rio cercada por vegetação e palmeiras

Viagem para natureza

Se estar em contato com a natureza é um fator essencial na hora de decidir para onde viajar, saiba que não faltam destinos nacionais e internacionais. 

Na Bahia, o Parque Nacional da Chapada Diamantina tem passeios com guias especializados, que variam em nível de dificuldade. São 38 mil km² de área com mais de 200 espécies vegetais e animais endêmicas catalogadas. 

Além das atrações do próprio parque, a região em torno também é rica em belezas naturais, como as grutas da Lapa Doce e Torrinha.

Passeio de um dia

O nordeste também abriga o Cânion do Xingó, o quinto maior cânion navegável do mundo, que fica na divisa de Sergipe e Alagoas. 

O passeio conta com uma bela paisagem natural, composta pelas águas esmeraldas do Rio São Francisco junto aos altos paredões que constroem o caminho. A atração tem 60 km de extensão e, em alguns trechos, chega a 190 metros de profundidade. 

Aventura em Bonito

Bonito também é um destino popular não apenas para quem gosta de natureza, mas também para os aventureiros de plantão. 

É conhecido por ser excelente para mergulho fluvial, uma vez que há o Aquário Natural na nascente do Rio Baía Bonita. Nele, diversas espécies de peixes coloridos nadam lado a lado com os mergulhadores.

Outras atrações incluem rappel, rafting e trilhas, dentro e fora de grutas, para checar as belezas naturais da região.

Pessoas dançando felizes em um clube Pessoas dançando felizes em um clube

Viagem para aproveitar a noite

Se o Brasil tem uma “cidade que nunca dorme”, essa cidade é São Paulo. A capital paulista tem atrações culturais, karaokês, restaurantes, bares e baladas que a mantêm agitada até o nascer do sol. 

Como exemplo, a Vila Madalena é um dos bairros mais agitados, com ruas cheias de opções para todos os gostos. 

Casas de samba, rock e até bares com videogame são algumas variedades que podem ser encontradas. 

Fora do Brasil

Assim como São Paulo, a cidade de Nova York, nos Estados Unidos, também tem a fama de “nunca dormir”. Isso é um reflexo claro da quantidade de shows, bares e clubes que funcionam durante toda a noite. 

A famosa Times Square, por exemplo, está sempre agitada e, aliás, é um ponto turístico que vale a pena conhecer à noite. 

A vida noturna de Amsterdã, capital da Holanda, é um dos motivos do local ser o destino escolhido para muitos. A cidade é conhecida pela liberdade que oferece a quem a visita e conta com diversas baladas para dançar e se divertir com os amigos.

Locais como a praça Rembrandtplein, que é uma homenagem ao grande nome da arte europeia Rembrandt, tem atrações durante o dia, como restaurantes e lojinhas. Mas também deve ser visitada à noite, quando o espaço revive com bares e muita música.

Mulher com um maiô deitada sobre um cais de madeira em um mar cristalino Mulher com um maiô deitada sobre um cais de madeira em um mar cristalino

Viagem para descansar

Quando pensamos em para onde viajar, muitas vezes, tudo o que precisamos é de um lugar para relaxar e repor as energias. Embora esse seja um conceito que varia muito para cada pessoa, termas e resorts costumam ser opções procuradas com essa finalidade.

Em Olímpia, no interior de São Paulo, fica o Thermas dos Laranjais. Apesar de ter atrações para famílias e até algumas alternativas mais radicais com toboáguas, também há espaços reservados para relaxamento.

Um bom exemplo são os ofurôs com águas termais e a piscina aquecida de pedras. Outra atração é o Rio Lento, onde você faz um percurso de mais de 300 m em águas aquecidas em cima de uma boia.

Da mesma forma, os cruzeiros são uma opção para ter uma viagem relaxante e ainda conhecer diferentes lugares. Esses podem ter tanto destinos nacionais quanto internacionais, como viajar a costa europeia ou pelas ilhas do Caribe.

Cidade de Tóquio no Japão à noite com milhares de pessoas na rua e vários sinais luminosos Cidade de Tóquio no Japão à noite com milhares de pessoas na rua e vários sinais luminosos

Viagem para metrópoles

São diversas as capitais brasileiras que merecem ser conhecidas. Porém, tem uma que é constantemente utilizada como cartão postal do país e quase dispensa apresentações: o Rio de Janeiro. 

A região metropolitana oferece tudo: de praias e belezas naturais a restaurantes e um rico panorama cultural. 

Os pontos turísticos mais populares são imperdíveis, como o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, bem como as praias de Copacabana, Ipanema e Leblon.

Porém, há muito mais que merece ser conhecido, como o Jardim Botânico e o Museu do Amanhã, além da visita instagramável à Escadaria Selarón.

Maior metrópole do mundo

Está decidindo para onde viajar? Que tal conhecer a maior metrópole do mundo? Tóquio, no Japão, é uma mistura de tradição e inovação. Ou seja, você pode visitar o Palácio Imperial ou o templo xintoísta Sensoji no mesmo dia em que vai ao museu de arte digital.

A cidade é conhecida pela segurança, o que deixa os turistas bem à vontade, além de ter um dos melhores sistemas de transporte público do mundo, facilitando o deslocamento.

Há ainda atrações como a Tokyo Skytree, de onde se pode ver toda a metrópole com uma visão privilegiada, o Museu Ghibli e até uma Disneyland.

Três homens andam em uma rua de paralelepípedos em uma cidade do interior pequena e tranquila Três homens andam em uma rua de paralelepípedos em uma cidade do interior pequena e tranquila

Viagem para o interior

No oposto das metrópoles, o interior, com suas cidades menores, guarda muitas preciosidades para quem quer relaxar, se divertir ou comer e beber bem.

Um bom destino para quem busca reduzir o ritmo é Cunha, no interior de São Paulo. A cidadezinha é famosa pelo Lavandário, que traz uma paisagem inigualável, e também pelas atrações do Parque Estadual da Serra do Mar, como trilhas e cachoeiras.

Ainda no estado paulistano, Ribeirão Preto fica a cerca de 300 km da capital e é conhecida como um polo cervejeiro. 

Além da tradicional Choperia Pinguim, a Cervejaria Colorado começou sua história na cidade que hoje é sede de 12 cervejarias artesanais. Entre os atrativos do local estão:

  • Theatro Pedro II;
  • Museu do Café;
  • Casa de Portinari.

Na hora de escolher para onde viajar, o interior de Minas Gerais deve ser lembrado. 

Uberlândia, por exemplo, é uma parada gastronômica obrigatória para quem gosta das delícias mineiras como queijos e doces. 

A cidade conta com atrações, como o Mercado Municipal, o Parque do Sabiá e diversos museus.

Casal feliz tira uma selfie em uma viagem Casal feliz tira uma selfie em uma viagem

Viagem para casal

Para começar, um destino bem tradicional para casais é Foz do Iguaçu. O local fica no Paraná, na divisa com o Paraguai e a Argentina, o que facilita o trânsito entre os países. 

O principal passeio é as Cataratas do Iguaçu. No lado brasileiro a queda d’água é maior, enquanto no argentino há acesso a diversos pequenos pontos que valem a pena a visita. 

Uma curiosidade interessante é que por conta das partículas de água no ar, é muito comum encontrar lindos arco-íris durante a experiência.

Estando na divisa, também é possível contratar pacotes de viagem na cidade argentina, Puerto Iguazú, como um jantar com show de tango, ou na Ciudad del Este no Paraguai.

Na escolha de para onde viajar, as cidades serranas também são visadas por casais pela tranquilidade e foco em experiências gastronômicas. 

Nesse sentido, podemos citar Canela, no Rio Grande do Sul. Localizada ao lado de Gramado, a cidadezinha é cheia de jardins e morros, e a gastronomia local inclui diferentes fondues e o tradicional churrasco sulista.

Outra opção é Santa Teresa, no Espírito Santo, que é uma cidade charmosa com traços europeus e conhecida como capital estadual do jazz e blues. 

Como parte da história de colonização italiana do lugar, o local mantém o posto de maior produção de uva e vinho no estado.

Casal sentado comendo baguetes e conversando em Paris com a Torre Eiffel ao fundo Casal sentado comendo baguetes e conversando em Paris com a Torre Eiffel ao fundo

Viagem gastronômica

Normalmente, parte importante da escolha de para onde viajar está na gastronomia. Porém, há quem torne esse o principal elemento na hora da decisão.

Um destino de turismo gastronômico que está em ascensão é a Amazônia. Com uma culinária típica e que é dificilmente encontrada em outros locais, Manaus está atraindo muitos turistas. A culinária amazonense tem ingredientes frescos e, sobretudo, o pescado como estrela nos cardápios. 

Só para ilustrar, até mesmo o café da manhã é diferente: pão francês com tucumã e queijo coalho e sucos de cupuaçu ou graviola.

Indo além das fronteiras nacionais, Paris é conhecida por sua gastronomia. Afinal, a culinária francesa é uma das mais clássicas e famosas em todo o mundo.

É claro que o destino é repleto de atrações culturais mundialmente conhecidas, como:

  • Torre Eiffel;
  • Catedral Notre-Dame;
  • Arco do Triunfo;
  • Museu do Louvre. 

Porém, há ainda muitos bistrôs e cafés que merecem uma visita para celebrar a viagem com boa comida e bebida.

O que não pode faltar em uma viagem?

Há muitas alternativas para onde viajar, seja nacional ou internacionalmente. Mas nem só de ideias vive o viajante. Antes de sair de casa, há um grande planejamento para ser feito a fim de garantir uma experiência prazerosa e sem problemas. 

Para começar, comprar passagens e seguros de viagem com antecedência pode ajudar a reduzir custos e imprevistos. 

Além disso, escolher as datas certas para cada destino é essencial, uma vez que algumas atrações dependem do clima.

Na hora de decidir o que levar, há alguns itens que também são cruciais e muitas vezes são esquecidos. Por exemplo, um carregador portátil, cartões de memória extras para máquina de fotografia e até um adaptador universal devem estar no kit sobrevivência do turista.

Para ter mais conforto e eficiência, estar sempre conectado é importante. A Vivo tem uma solução focada nos viajantes: o Vivo Travel. O serviço permite que se façam ligações, bem como o uso de internet, e está disponível em 175 países. 

Porém, se você for ficar no Brasil, a sugestão é escolher um dos pacotes móveis da Vivo, pois, com eles, não há risco de ficar sem sinal. 

Preparou tudo isso? Então, agora é hora de aproveitar e curtir a experiência. 

Boa viagem e até breve! 

Leia também: